Posts arquivados em: Tag: Cinéfila

05 jan 2016 CinemaCríticaGeek

Filme: Star Wars – O despertar da força

1

Nota: 5 Stars (5 / 5)
Título Original: Star Wars: Episode VII – The Force Awakens
Direção: J.J. Abrams
Estrelando: Daisy Ridley, John Boyega, Adam Driver
Gênero: Aventura, Ação, Ficção Científica
Classificação: M/12
Outros dados: USA, 2015, Cores, 2h15min.
Sinopse: Décadas após a queda de Darth Vader e do Império, surge uma nova ameaça: a Primeira Ordem, uma organização sombria que busca minar o poder da República e que tem Kylo Ren (Adam Driver), o General Hux (Domhnall Gleeson) e o Líder Supremo Snoke (Andy Serkis) como principais expoentes. Eles conseguem capturar Poe Dameron (Oscar Isaac), um dos principais pilotos da Resistência, que antes de ser preso envia através do pequeno robô BB-8 o mapa de onde vive o mitológico Luke Skywalker (Mark Hamill). Ao fugir pelo deserto, BB-8 encontra a jovem Rey (Daisy Ridley), que vive sozinha catando destroços de naves antigas. Paralelamente, Poe recebe a ajuda de Finn (John Boyega), um stormtrooper que decide abandonar o posto repentinamente. Juntos, eles escapam do domínio da Primeira Ordem.

Alguns amam, outros odeiam e muitos simplesmente não se importam. Mas verdade seja dita: desde quando a Disney comprou todos os direitos de Star Wars da Lucas Film, o filme se tornou o grande hype do momento. Eu senti até um certo exagero, confesso. Muitas roupas, calçados, maquiagem, cosméticos e até mesmo band-aid e papéis higiênicos chegaram a colocar o selo Star Wars só para vender mais. Eu penso que quem não gosta ou não se importa deve estar bem mais saturados do que os fãs da saga, eu mesma amo a saga e estou um pouco saturada. Mas fiquei ansiosa demais para assistir o novo filme e tinha expectativas altíssimas para ele. Veja bem, tenho conseguido ir ao cinema praticamente uma vez por semana e isso tem me ajudado a melhorar meu senso crítico de cinema e não diria que é um filme bom se tivesse visto defeitos no filme. Defeitos, todos possuem, mas neste caso os acertos passam por cima deles como um furacão.

Continue lendo

escrito com amor e carinho por

26 set 2015 CinemaCrítica

Filme: Que horas ela volta?

1

Nota: 4.5 Stars (4,5 / 5)
Título Original: Que horas ela volta?
Direção: Anna Muylaert
Estrelando: Regina Casé, Camila Márdila, Michel Joelsas
Gênero: Drama
Classificação: M/12
Outros dados: BR, 2015, Cores, 1h51min.
Sinopse: A pernambucana Val (Regina Casé) se mudou para São Paulo a fim de dar melhores condições de vida para sua filha Jéssica. Com muito receio, ela deixou a menina no interior de Pernambuco para ser babá de Fabinho, morando integralmente na casa de seus patrões. Treze anos depois, quando o menino (Michel Joelsas) vai prestar vestibular, Jéssica (Camila Márdila) lhe telefona, pedindo ajuda para ir à São Paulo, no intuito de prestar a mesma prova. Os chefes de Val recebem a menina de braços abertos, só que quando ela deixa de seguir certo protocolo, circulando livremente, como não deveria, a situação se complica.

Continue lendo

escrito com amor e carinho por

14 set 2015 CinemaFilmes

5 filmes antigos que eu amo

1. Bonequinha de Luxo (1961)

Um dos meus filmes favoritos de todos os tempos. Para muitos pode não ter significado algum, mas para quem entende o contexto da época sabe que foi um filme revolucionário sem precisar de qualquer efeito especial. O roteiro do filme é incrível e a atuação da Audrey Hepburn é impecável. Eu amo a ironia do filme!

2. Clube dos Cinco (1985)

Quem já passou da adolescência faz um tempo começa a sentir uma certa nostalgia dessa época. Tudo era tão intenso, nossos pais eram os grandes vilões, o colégio era praticamente nossa vida e ficar de castigo a pior coisa do mundo. Eu amo sentir a nostalgia da minha adolescência assistindo Clube dos Cinco.

Continue lendo

escrito com amor e carinho por